Seminário Internacional "Justiça Espacial e o Direito à Cidade"

 

 

São Paulo - 7 a 10 de dezembro de 2015

Anfiteatro de Geografia - Prédio de Geografia e História da USP

Avenida Professor Lineu Prestes, 338 - Cidade Universitária, São Paulo-SP

 



Realização:

Grupo de Geografia Urbana Crítica Radical (GESP), Programa de Pós-graduação em Geografia Humana (PPGH-FFLCH-USP) e Instituto de Estudos Avançados (IEA-USP).

Coordenação:

Ana Fani Alessandri Carlos e

Glória Anunciação Alves.

 

Organizado pelo GESP e pelo Programa de Pós Graduação em Geografia Humana, com coparticipação do Instituto de Estudos Avançados da USP, o Seminário Internacional conta com o apoio do Departamento de Geografia da USP, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP (FFLCH-USP), da FAPESP e da CAPES. Dentre as atividade podemos contar com:

  1. Duas conferências:
    • a conferência de abertura, "La justice spatiale, expériences et pistes de recherche", proferida pelo Prof. Dr. Philippe Gervais-Lambony, coordenador da revista Justice spatiale/spatial justice, da Université de Paris Ouest Nanterre la Défense (França); e
    • a conferência de encerramento, a ser proferida pela professora Nuria Benach, da Universitat de Barcelona (Espanha);
  2. Cinco mesas redondas e quatro sessões temáticas, contemplando temas que perpassam as reflexões em torno da temática da Justiça Espacial e o Direito à Cidade, sendo:
    • a crise urbana e a reprodução do econômico;
    • a segregação socioespacial e o direito à cidade;
    • as formas de resistência e a luta pelo urbano;
    • as políticas públicas e a justiça espacial; e
    • a justiça espacial e justiça ambiental na cidade.

Das mesas redondas, contabilizando um total de 20 trabalhos, participarão somente convidados. Dentre estes podemos contar com pesquisadores estrangeiros e brasileiros de outras instituições, participantes de movimentos sociais urbanos e membros do GESP autores de capítulos do livro "Justiça espacial e o direito à cidade", que está em preparação e com lançamento previsto para o período do evento.

Quatro sessões temáticas que contarão com 35 trabalhos selecionados pela comissão científica e alguns painéis. O seminário envolverá no conjunto de suas atividades pesquisadores das áreas de sociologia, arquitetura, engenharia, direito, antropologia, geografia e filosofia.

 

 

Convidados:

Núria Benach (Universidade de Barcelona - Espanha); Philippe Gervais-Lambony (Universidade de Paris/Nanterre - França); Alysson Mascaro (Faculdade de Direito - USP); Análida Rincón Patiño (Universidad Nacional de Colombia - Medellín)Ângelo Serpa (UFBA); Arlete M. Rodrigues (Unicamp); Blanca Ramires (Universidad Autónoma Metropolitana-Xochimilco - México); Cibele Rizek (IA-USP); Edvânia Tôrres Gomes (UFPE); Francisco Comaru (UFABC); Guilherme Boulos (MTST); Jorge Luis Barbosa (UFF); Naxheli Ruiz (UNAM); Paul van der Lindert (Utrecht University - Holanda).

 

 

Programação do evento:

 

  Segunda-feira: 07-12 Terça-feira: 08-12 Quarta-feira: 09-12 Quinta-feira: 10-12

Das

9:30

as

12:00

Inscrição

Das 8:00 as 9:30

Abertura

Das 9:30 as 10:30

Conferência de Abertura

Das 10:30 as 12:00

·  Gervais-Lambony (Universidade Paris/Nanterre)

Coordenação: Ana Fani A. Carlos (USP)

Mesa 2 – A crise urbana e a reprodução do econômico

 

·  Cesar Simoni (GESP-USP)

·  Isabel Alvarez (GESP-USP)

·  Rafael Faleiros de Pádua (GESP-UFMT)

·  Daniel Sanfelici (UFF)

·  Coord: Edvânia Torres (UFPE)

Mesa 4 – As formas de resistência e a luta pelo urbano

·  Jorge Luis Barbosa (UFF)

·  Cibele Rizek (IAU-USP)

·  Guilherme Boulos (MTST)

·  Representante do movimento Passe Livre

Coord.: Ângelo Serpa (UFBA)

Mesa 5 – As políticas públicas e a justiça espacial

·  Arlete M. Rodrigues (Unicamp)

·  Francisco Comaru (UFABC)

·  Naxhelli Ruiz Rivera (UNAM- México)

*Análida Rincón Patiño (Universidad Nacional de Colombia – Medellín

Coord.: Ester Limonad (UFF)

Das

14:00

as

17:30

Mesa 1 – Segregação socioespacial e o direito à cidade

·  Ana Fani A. Carlos (GESP-USP)

·  Alysson Mascaro (USP)

·  Gloria Alves (GESP-USP)

·  Blanca Ramires (Universidad Autónoma Metropolitana-Xochimilco - México)

Coord.: Rita Gomes (UFRN)

Sessão Temática 2 A

Coord: Danilo Voloschko (GESP-UFPR)

Sessão Temática 2 B

Coord. Ricardo Alvarez

Sessão Temática 3 A

Coord.: Rita A. da Cruz (USP)

SessãoTemática 3 B

Coord. Marta Inês Marques (USP)

Sessão Temática 4 A

Coord. Mariana Z. Albuquerque (UFRPE)

Das

19:00

as

22:30

Sessão Temática 1

 

 

Coord.: Vera Pallamin (USP)

Mesa Redonda  3- Justiça espacial e justiça ambiental na cidade

- Wagner Costa Ribeiro (USP)

- Pedro Jacobi (USP)

- Henri Acselrad (IPPUR)

- Silvia Helena Zanirato  (USP)

Coord: Paul Van der Lindert (U.Utrecht)

 

Conferência de Encerramento

 

·  Núria Benach (Universidade de Barcelona)

 

Coordenação: Glória Alves (USP)

 

 

Sessões Temáticas:

 

SESSÃO TEMÁTICA 1

A crise urbana e a reprodução do econômico

Segunda-feira - 07/12

Das 19:00 às 22:30

 

Coordenação:

Vera Pallamin (USP)

Autor

Trabalho

Milton Esteves Junior e

Letícia Tabachi Silva

Paradigmas e paradoxos da produção do território urbano/metapolitano e das formas de habitar: o caso da região metropolitana da Grande Vitória – ES.

Claudio Ressurreição dos Santos

A (re) produção do espaço de comércio e consumo via imitação no contexto da cidade contemporânea

Tatiane Marina Pinto de Godoy

Trabalho e crise urbana: condições da precarização

Rafaela Fabiana Ribeiro Delcol

A produção do espaço urbano via elaboração de índices: o IBEU, índice de bem-estar urbano

Luís Augusto Severo Soares

Os limites do turismo e o direito à cidade: a constituição do eixo turístico Luz-Tiradentes (SP)

 

SESSÃO TEMÁTICA 2A

A segregação socioespacial e o direito à cidade

 

Terça-feira - 08/12

Das 14:00 às 17:30

 

Coordenação:

Danilo Voloschko (GESP-UFPR)

Autor

Trabalho

1.     Ana Mônica Medeiros Ferreira

O direito à cidade e a participação popular na região metropolitana de Natal: uma discussão necessária a partir dos conceitos de democracia e metrópole no contexto da justiça espacial

2.     Juliana Gomes da Silva de Melo e Nelton Moreira Souza

A reapropriação do cerrado na área urbana no município de Aparecida de Goiânia-GO

3.     Daniel Gaio

O direito à cidade e o papel do direito

4.     Léia Charif de Almeida

Preservação ambiental: novos conteúdos da segregação socioespacial

SESSÃO TEMÁTICA 2B

A segregação socioespacial e o direito à cidade

 

Terça-feira - 08/12

Das 14:00 às 17:30

 

Coordenação:

Ricardo Alvarez

1. Rinaldo Gomes Pinho

A destituição da relação centro-periferia na metrópole paulista

2. Rubia Gomes Morato e

Reinaldo Paul Pérez Machado

 

Análise espacial da justiça ambiental no distrito da Vila Andrade – São Paulo/SP

 

3. Carlos Henrique Costa da Silva

Privações e crise do urbano: reflexões sobre os "rolezinhos"

 

 

 

 

SESSÃO TEMÁTICA 3A

As formas de resistência e a luta pelo urbano

 

Quarta-feira - 09/12

Das 14:00 às 17:30

 

Coordenação:

Rita de Cássia A. da Cruz (USP)

Autor

Trabalho

1.    Nadia Somekh e

   Danielle Cristina Dias de Santana

Memória como resistência? Cidade contemporânea e patrimônio cultural em São Paulo

2.    Luciana Cruz

Conflitos urbanos no Recife: uma reflexão sobre o caso da apropriação do Cais José Estelita

3.    Taiany Braga Marfetan

Direito à cidade na apropriação dos espaços públicos: uma análise das intervenções culturais nas praças públicas da cidade do Rio de Janeiro

4.    Camila Bezerra Nobre de Medeiros

Conflitos e aproximações entre o rural e o urbano: o Gramorezinho como espaço de resistência em Natal

5.    Gilmar dos Santos Soares

A luta pela cidade como uma dimensão atual da luta de classes: a disputa pelo centro de São Paulo

SESSÃO TEMÁTICA 3B

As formas de resistência e a luta pelo urbano

 

Quarta-feira - 09/12

Das 14:00 às 17:30

 

Coordenação:

Marta Inês M. Marques (USP)

1. Luciana Maciel Bizzotto

A resistência na rede Resisteizidora

2. Gülçin Erdi-Lelandais e

Bénédicte Florin

Quand les marges resistent. Petites luttes et resistances quotidiennes  pour la justice spatiale en Turquie (Ankara-Istanbul)

3. Virgílio Manuel Pereira Bernardino

As feiras como lugares de re(ex)sistência e espaços de sobrevivência

4. Aritz Tutor Anton

Del modelo Barcelona a la ciudad comuna(l) a través de iniciativas de ocupación autogestionadas

 

 

Autor

Trabalho

SESSÃO TEMÁTICA 4

As formas de resistência e a luta pelo urbano

 

Quarta-feira - 10/12

Das 14:00 às 17:30

 

Coordenação:

Mariana Z. Albuquerque (UFRPE)

1.    Leda Velloso Buonfiglio e

César Augusto Ávila Martins

Para além das políticas públicas de justiça social na cidade: políticas justas de produção do espaço urbano

2.    Ivaldo Lima

A geopolítica da favela: desafios atuais da justiça territorial no Rio de Janeiro

3.    Luiz Felype Gomes de Almeida

Função social e natureza econômica da terra na propriedade privada capitalista: as contradições de um princípio constitucional

4.    Elizângela Justino de Oliveira

Política pública e justiça social na cidade: algumas reflexões

5.    Rita de Cássia da Conceição Gomes

Políticas públicas urbanas e o desenvolvimento espacial desigual: uma leitura a partir do Rio Grande do Norte

6.    Liria Yuri Nagamine

 Planejamento urbano à luz da cotidianidade: meio ambiente e moradia no caso do Guarituba

 

Inscrições:

 

  • O pagamento das inscrições deverá ser realizado via depósito bancário na conta do evento (Banco do Brasil – 001; ag: 7068-8; c/c: 6.870-5);
  • Após o pagamento da inscrição, o envio do comprovante de depósito para o email do evento (justicaespacial@gmail.com) confirmará a inscrição;
  • Para envio de comprovante e inscrição identifique no assunto do email o seu propósito com o título “comprovante de pagamento”;
  • Caso a inscrição esteja vinculada a autor de proposição de trabalho, identifique no corpo do email o nome do autor e o título do trabalho vinculado.



Professores e profissionais

R$ 150,00

R$ 250,00

Alunos de pós-graduação

R$ 100,00

R$ 170,00

Alunos de graduação

R$ 50,00

R$ 80,00

Valores

Até o dia 01/11

No colóquio

 

Contato:

  • Email: justicaespacial@gmail.com;

 

Comissão organizadora:

1. Rafael Faleiros de Pádua - UFMT

2. Cesar Simoni Santos - FFLCH/USP

3. Simone Scifoni - FFLCH/USP

4. Isabel Alvarez - FFLCH/USP

5. Danilo Volochko – UFPR

 

Comissão Científica

Prof Dr . Angelo Serpa - UFBA

Prof Dr Ariovaldo umbelino de Oliveira - FFLCH-USP

Prof Dr  Daniel Sanfelici- UFF

Prof Dra Edivânia Torres A. Gomes- UFPE

Prof Dra Ester Limonad - UFF

Prof Dr Jorge Luis Barbosa - UFF

Prof Dr Manoel Rodrigues Alves - IA-USP

Prof Dra Mariana Z. Albuquerque - UFRPE

Prof Dra Nelba Penna - UNB

Prof Dr Paul van der Lindert U. UU-Utrecht/Holanda

Prof Ricardo Alvarez - Centro Universitário Santo André

Prof Dra Rita C. C.Gomes – UFRN

Prof Dr Sant Clair Trindade Jr - UFPA

Prof Dra Silvana Pintaudi- UNESP-RC

Prof Dra Vera Pallamin - FAU/USP

 

Secretaria

Denys Silva Nogueira; e

Genovan Pessoa de Morais Ferreira

 

 

 

ATENÇÃO!

 

PRORROGADO

O Prazo para entrega do Trabalho Completo passou de 15/10 para 05/11/2015

 

As normas para a elaboração dos textos completos já estão diponíveis

(role a página)

 

Resultado disponível aqui

 

Cronograma:

 

  • Prazo de entrega dos resumos: dia 1 de julho de 2015 (Prorrogado para 20 de julho de 2015).

  • Publicação dos resultados : dia 10 de agosto (Prorrogado para 30 de agosto);

  • Prazo de entrega dos Trabalhos Completos15 de outubro (Prorrogado para 5 de novembro de 2015).

 

 

Normas para o envio de trabalhos completos:
 
Os trabalhos devem ter, no máximo, 25 páginas (tamanho A4), digitados em formato Microsoft Word, com espaçamento 1,5 entrelinhas, fonte Times New Roman tamanho 11 e sem recuos e espaçamento de parágrafos. Nesse total de páginas, devem ser computadas tabelas, figuras e referências ou bibliografia.

Todos os textos devem ser enviados em versão digital, constando: nome(s) do(s) autor(es), filiação acadêmica, data de elaboração do artigo e endereço para correspondência (postal e eletrônico).

Os trabalhos devem trazer obrigatoriamente um resumo de, no mínimo, 100 palavras e, no máximo, 150 palavras, em português e inglês. A critério do autor, poderá ser enviado um terceiro resumo em francês, espanhol ou alemão. O título e as palavras-chave (máximo 5) também deverão ser traduzidas para a língua inglesa e, se for o caso, para a outra língua estrangeira em que o resumo for apresentado. Serão aceitos textos, encaminhados por autores não lusófonos, nas escritos em inglês, francês ou espanhol.

As referências a autores deverão ser feitas no corpo do texto, indicando-se o sobrenome em caixa alta ou caixa alta e baixa, segundo os casos, seguido do ano de publicação da obra. Exemplo: (SILVA, 2007), Silva (2007). Havendo mais de uma obra com o mesmo sobrenome, publicada no mesmo ano, deverão ser acrescentadas as letras do alfabeto em minúsculo, após o ano da publicação, por ordem de citação nas referências apresentadas ao final do texto. Exemplo: (SILVA, 2007a), (SILVA, 2007b), (SILVA, 2007c).

As citações literais de trechos de textos de outros autores, se tiverem até três linhas, devem manter-se no corpo do texto entre aspas e, se tiverem mais de três linhas, deverão ser destacadas com recuo de 4 cm, em fonte Times New Roman 11, sem aspas.

Expressões ou trechos de seu texto, aos quais o autor queira dar destaque, devem vir em itálico, que deverá ser aplicado, também, às expressões mantidas em língua estrangeira. Exemplo: tout courte-maila priori. Os autores não devem utilizar negrito, que é reservado para títulos e subtítulos do texto.

As figuras deverão ser encaminhadas em formato digital (JPG, GIF, TIF), numa resolução mínima de 300 dpi e não poderão exceder o tamanho de 23 x 16 cm. Os originais devem ser enviados sem moldura, com escala gráfica e legendas legíveis. Somente serão aceitas figuras coloridas se o autor arcar com os custos de impressão das páginas respectivas.

As referências e citações devem seguir as orientações da ABNT. É fundamental, que os nomes dos autores nas referências, ao final do texto, venham completos. Exemplo: SILVA, José Pedro da; SOUZA, Aline. Os títulos das obras devem vir destacados em itálico.

As notas devem ser inseridas no rodapé da página em que forem indicadas.

Será responsabilidade dos autores enviar o texto obedecendo a norma culta. Recomenda-se recorrer a especialistas para a correção dos resumos em outros idiomas e não utilizar softwares para a tradução. A inadequação da escrita será critério para a rejeição do texto na publicação do evento. 

O conteúdo e as opiniões expressos pelos autores dos textos são de sua exclusiva responsabilidade, não representando necessariamente a opinião dos membros da Coordenação e da Comissão organizadora do evento ou da Comissão Editorial e do Conselho Científico da publicação do evento.

A seleção dos textos será realizada por dois pareceristas da Comissão Científica do evento. Nos casos em que não houver consenso no parecer, a arbitragem será decidida por meio de parecer de um membro da Comissão Organizadora. No processo de seleção, consideram-se somente duas situações: texto aprovado para publicação ou texto recusado.

O evento e a publicação do evento não cobrarão pela divulgação dos trabalhos e se isenta de pagar direitos autorais

 

 

Normas para Apresentação de Painéis

 

No caso dos trabalhos indicados para a seção de painéis a apresentação tem de levar em conta que o leitor deve conseguir uma boa apreençaõ do conteúdo a uma distância mínima de 1metro.O autor deve privilegiar soluções visuais. O Trabalho deve ser empresso em lona ou plastico nas seguintes dimensões: 0,90m e 1,20m de altura. O poster deve trazer na parte mais alta o título em letras maiúsculas com fonte próxima a 70 (cuidado coma variação de tamanho natural entre os diferentes estillos das fontes). Logo abaixo deve vir o nome do autor, com fonte próxiam a 40. No rodapé, deve constar o endereço eletronico, a titulação e o vinculo institucional com a instituição de origem do autor. O poster deve se orientar pelas normas da ABNT.